099_00

 

O BEBÊ DE ROSEMARY (1969)

099_01

SINOPSE: Rosemary Woodhouse, uma mulher ingênua, e seu marido, Guy, um ator atrás de um novo emprego, se mudam para Bramford, num edifício antigo porém luxuoso de Nova York. A vizinhança estranha, e as histórias sinistras que correm pelo prédio, fazem com que a gravidez de Rosemary fique ainda mais conturbada. Ficando cada vez mais preocupada com sua sanidade, a moça entra em desespero quando descobre que sua gravidez tem ligação com uma seita diabólica.

COMENTÁRIOS: O Bebê de Rosemary (Rosemary’s Baby) é um filme estadunidense escrito e dirigido por Roman Polanski, um dos mais cultuados diretores de Hollywood. Seu roteiro é baseado no romance homônimo de Ira Levin, que emprestou para sua história para dar vida à um dos maiores clássicos de terror de todos os tempos. Em 1976 o longa recebeu uma continuação chamada de Veja o Que Aconteceu ao Bebê, que definitivamente não chega aos pés da obra de Polanski.

 

O EXORCISTA (1974)

099_02

SINOPSE: A atriz Chris MacNeil começa a perceber que sua filha de apenas 12 anos, Regan MacNeil, vem evoluindo um comportamento cada vez mais macabro. Então assustada, a mulher pede ajuda ao jovem padre Damien Karras, que também é psiquiatra, para entender o que estava acontecendo com a menina. Após verificar, o sacerdote chega a conclusão de que ela estava possuída pelo demônio, e precisava ser exorcizada para ter sua vida salva.

COMENTÁRIOS: O Exorcista (The Exorcist) é uma produção norte-americana dirigida por William Friedkin, e escrito por William Peter Blatty, se baseando no livro homônimo de sua autoria. O filme possui uma série de mistérios envolvendo sua produção, e existem até alegações de que traz mensagens sublimares satânicas. Tanta polêmica ao redor da obra, fez com que os seus 12 milhões de dólares em orçamento, se tornassem mais de 441 milhões de faturamento, tornado esse um dos filmes de terror mais lucrativos da história.

 

POSSESSÃO (1981)

099_03

SINOPSE: Se passando no período da Guerra Fria, Mark trabalha como espião, e agora está retornando à Alemanha para encontrar sua esposa, Anna, que previamente havia pedido o divórcio. Ela não explica a razão, mas insiste não estar sendo infiel ao marido. Mark não aceita o distanciamento sem uma satisfação justa, e também por se importar com o filho, luta para manter o casamento. Conforme as discussões vão se intensificando, Anna vai desenvolvendo um comportamento cada vez mais doentio e estranho.

COMENTÁRIOS: Possessão (Possession) é coproduzido por França e Alemanha, e foi dirigido por Andrzej Żuławski. Usando o plano de fundo do drama de um casal, o terror psicológico é o que há de mais surreal nesta lista. Possessão é um filme para poucas pessoas, pois é lento e cheio de diálogos. Porém são essas cenas arrastadas e suas conversas que beiram o absurdo, que vão alimentando uma atmosfera cada vez mais macabra, culminando num desfecho completamente inesperado. Vejo nesta obra um misto de incômodo e fascínio, e definitivamente creio ser capaz de assustar qualquer marmanjo.

 

POLTERGEIST: O FENÔMENO (1982)

099_04

SINOPSE: A Família Bowen decide se mudar para uma nova casa em Cuesta Verde, num pacato novo empreendimento residencial em Orange County, na Califórnia. Porém estranhos eventos começam a ocorrer, e Maddy, a filha caçula, é sequestrada e aprisionada em uma outra dimensão por espíritos sinistros. Desesperados, o casal Steven e Diane, buscam socorro com especialistas para trazer a menina de volta.

COMENTÁRIOS: Poltergeist: O Fenômeno (Poltergeist) é um filme dos Estados Unidos produzido por Steven Spielberg, e dirigido por Tobe Hooper. Seu maior trunfo na época foi trazer o que havia de mais moderno em efeitos especiais, criando cenas assustadoras e impactantes. Sua trilha sonora também se tornou famosa, sendo um dos trabalhos mais famosos do compositor Jerry Goldsmith. Sucesso do cinema, Poltergeist teve um orçamento de 10.7 milhões de dólares, e uma receita final de 121.7 milhões.

 

RINGU (1998)

099_05

SINOPSE: Uma repórter decide investigar a misteriosa morte de sua sobrinha, e acaba descobrindo uma estranha fita VHS. Seu conteúdo trazia uma lenda, quem assistisse morreria em sete dias, mas curiosa, decide enfrentar o destino. Assim que a fita termina, o telefone toca, e o que se ouve é um som perturbador. Acreditando na história, ela agora tem sete dias para descobrir como quebrar a maldição, e assim conseguir salvar a sua e a vida de seu filho, que também assistiu. Para isso, ela pede ajuda do seu ex-marido, um professor cético, porém dotado de uma percepção extrassensorial, e juntos investigam o misterioso vídeo amaldiçoado.

COMENTÁRIOS: Ringu é um pouco menos conhecido que sua versão norte-americana, O Chamado (The Ring), de 2002. No entanto o terror japonês dirigido por Hideo Nakata, consegue na minha opinião, ser ainda mais interessante. É certo que a versão ocidental trouxe mais detalhes e explicações que a oriental, no entanto são as coisas menos explicadas que me atraem mais. Terror no meu entender é brincar com a dúvida para alimentar a tensão, e quanto mais você revela, menos obscuro e assustador aquilo vai ficando. Ringu fez um enorme sucesso no Japão, e seu estilo virou referência para uma série de produções de terror que se sucederam.

 

O ÚLTIMO PORTAL (2000)

099_06

SINOPSE: Don Corso é um especialista em rastrear obras literárias raras e exóticas para colecionadores entusiastas, e Boris Balkan recentemente havia adquirido um volume misterioso do século XVII, conhecido como O Último Portal, um lendário livro que teria sido escrito pelo próprio Satanás. Tendo o exemplar em mãos, Corso se vê perseguido por estranhos e violentos acontecimento, e tudo indicava que outras pessoas estavam atrás daquele precioso item.

COMENTÁRIOS: O Último Portal (The Ninth Gate) é um filme hispano-franco-estadunidense dirigido por Roman Polanski, e adaptado do romance The Club Dumas de Arturo Pérez-Reverte, por John Brownjohn, Enrique Urbizu e o próprio Polanski. Com um ar misterioso e uma trilha sonora imersiva, este terror psicológico investigativo teve pouquíssimo sucesso. Não bastava ter Johnny Depp, ainda era preciso fazer o filme ser conhecido. E quem fez? Ninguém! Aquele que se tornara um dos clássicos cults da virada do milênio, teve um orçamento de 38 milhões de dólares, e lucrou pouco mais de 20.  Você conhece O Último Portal? Deveria, pois esse é um puta filme sinistro!

 

OS OUTROS (2001)

099_07

SINOPSE: Grace Stewart é uma mãe católica devota que mora com os dois filhos pequenos em uma antiga mansão no campo da isolada ilha de Jersey, no rescaldo da Segunda Guerra. As crianças, Anne e Nicholas, tem fotossensibilidade, uma doença que traz forte incômodo a exposição à luz solar, e isso traz pras suas vidas, um complexo guia de regras imposto pela mãe. Com a chegada de três novos funcionários da casa, uma babá, um jardineiro e uma menina muda que ajudava em várias tarefas, coincidentemente uma série de estranhos eventos sobrenaturais começar a ocorrer.

COMENTÁRIOS: Os Outros (The Others) é um filme hispano-franco-norte-americano-italiano escrito e dirigido por Alejandro Amenábar, que prova que para algo ser assustador não é preciso muito mais que uma câmera na mão e boas ideias. O longa é vestido de uma atmosfera nebulosa digna de uma verdadeira história clássica de mansão mal-assombrada. Uma produção inteligente, que vai te fazer sentir frio na espinha com seu final surpreendente.

 

A VILA (2004)

099_08

SINOPSE: Em busca de um estilo de vida melhor, um grupo de pessoas funda uma vila numa região remota da Pensilvânia, onde conseguem manter seus filhos afastados da violência do mundo moderno. No entanto o lugar é cercado por densas florestas onde estranhas criaturas vivem em certa harmonia com os humanos, seguindo a regra, claro,  de os membros da comunidade se manterem afastados da mata. Mas as coisas se complicam quando um jovem ignora os avisos dos anciões, e sai da vila na procura de um medicamento para salvar uma jovem que estava doente.

COMENTÁRIOS: A Vila (The Village) é uma produção norte-americana escrita e dirigida por M. Night Shyamalan que teve um grande sucesso de bilheteria. Tendo um  orçamento de 60 milhões de dólares, e um faturamento de 257.7 milhões. A Vila é um dos filmes polêmicos de Shyamanan que dividem bastante as opiniões, e em principal, pela sua conclusão. O diretor sofre de um síndrome similar e Stephen King, na qual faz o mais difícil, que é prender atenção do público com o desenvolvimento de um excelente mistério, mas tendo o hábito de falhar miseravelmente nos finais. Eu estou do lado que considera a totalidade da obra e costumo aceitar a proposta do criado, portanto o que muitos enxergaram como um defeito, eu considerei bastante interessante. Não vá apenas pela crítica, verifique você mesmo tudo o que puder. Não é a minha e nem a de ninguém a verdade absoluta, tire você suas próprias conclusões.

 

LABIRINTO DO FAUNO (2006)

099_09

SINOPSE: A Guerra Civil Espanhola de 1944 já havia oficialmente terminado, mas um grupo de insurgentes ainda lutava nas regiões montanhosas ao norte de Navarra. Ofelia era uma menina de 10 anos que se mudou com a sua mãe, Carmen, para os arredores, e as duas estavam no aguardo da chegada do homem do lar, um oficial fascista que guerreava para exterminar os ainda resistentes. A menina Ofelia, solitária, logo faz amizade com Mercedes, a jovem cozinheira da família, que secretamente era um contato dos rebeldes. Em meio à essa realidade tensa a jovem descobre no jardim de casa, um misterioso labirinto que faz com que um mundo repleto de fantasia se abra, trazendo junto consequência inimagináveis para a realidade à sua volta.

COMENTÁRIOS: O Labirinto do Fauno (El Laberinto del Fauno) é uma produção feita em parceria com México, Espanha e Estados Unidos, e que foi escrita, produzida e dirigida por Guillermo del Toro. Este é um filme que reúne tantos elementos que fica até complicado classificá-lo, porém eu considero-o com um terror, por reunir os elementos fantasiosos macabros, violência explícita, e uma atmosfera pesadíssima de um período que por si só já é assustador. O Labirinto do Fauno é sucesso de crítica, bilheteria, e vencedor de uma série de prêmios, incluindo três estatuetas do Óscar 2007.

 

REC (2007)

099_10

SINOPSE: Uma repórter televisiva e seu cinegrafista acompanhavam um grupo do Corpo de Bombeiros em Barcelona enquanto eles atendiam um chamado na madrugada. A princípio seria apenas mais um incidente corriqueiro, no qual supostamente uma senhora estava presa em seu apartamento e gritava ensandecidamente por estar presa dentro do imóvel. Os vizinhos então assustados e preocupados fizeram o chamado. Porém quando chegaram lá nada era realmente o que parecia, a mulher estava tendo um surto por alguma infecção raivosa, e todos os que estavam dentro do prédio foram mantidos sob quarentena. A equipe de reportagem então decide registrar tudo o que podiam do local, ao mesmo tempo que tentavam salvar as próprias vidas.

COMENTÁRIOS: Rec, geralmente escrito como [REC], é um filme espanhol dirigido por Jaume Balagueró e Paco Plaza, e que foi roteirizado pelos mesmos com a ajuda de Luiso Berdejo. A produção teve uma excelente aceitação da crítica, além de gerar uma ótima receita para seus colaboradores. Rec é um filme de terror extremamente acelerado e capaz de nos fazer sofrer com a tensão. Usando uma estética de documentário com câmera na mão, a sensação que temos é de realmente estarmos presos junto com o capeta naquele lugar! Recomendo ir ao banheiro primeiro antes de assistir para não correr o risco de fazer nenhum dos números na calça.

 

A ÓRFÃ (2009)

099_11

SINOPSE: Depois de o casal Kate e John Coleman perder o terceiro filho no parto, decidem dar a volta por cima e adotar uma criança para dar novos rumos ao casamento. Optam por Esther, uma menina russa de nove anos que faria companhia aos seus dois outros filhos, Max, que é surda, e Daniel, um menino indiferente a quase todo mundo. As coisas começam a ficar estranhas quando uma série de alarmantes eventos começar a acontecer dentro de casa, e Kate desconfia que talvez Esther seja a razão por trás disso.

COMENTÁRIOS: A Órfã (Orphan) é um filme dos Estados Unidos escrito por David Johnson e Alex Mace, e que foi dirigido por Jaume Collet-Serra. A obra gerou um pouco de polêmica, sendo necessário até que algumas falas fossem trocadas. Tudo isso aconteceu porque as entidades envolvidas com os sistemas de adoção enxergaram de forma negativa essa história de uma criança adotada ser uma vilã, e falas como “Deve ser difícil amar uma criança adotada, tanto quanto o seu próprio”, precisaram ser trocadas por palavras menos pesadas. A Órfã é um suspense de terror de altíssima qualidade. Vale à pena conferir!

 

ATIVIDADE PARANORMAL 3 (2011)

099_12

SINOPSE: Os membros de uma família acham que estão sendo atormentados por um espírito maligno na casa onde moram, sendo assim decidem instalar câmeras para filmar e tentar compreender a razão dos barulhos e  fenômenos aterrorizantes que assolam a residência. E aquilo que era quase uma curiosidade ingênua, se transforma num verdadeiro inferno!

COMENTÁRIOS: Atividade Paranormal 3 (Paranormal Activity 3) é um filme dos Estados Unidos dirigido por Henry Joost e Ariel Schulman, e que foi escrito pro Christopher B. Landon. Essa é uma franquia que lançava sequências quase anualmente, e que por enquanto estacionou no quinto episódio lançado em 2014. De todos os filmes, esta terceira “aventura”, é a mais interessante ao meu ver da série, a que mais intriga, causa desconforto e medo.

 

A ENTIDADE (2012)

099_13

SINOPSE: Um escritor de romances se muda para uma nova casa com sua família, e acaba encontrando uma caixa com registros filmados de crimes horripilantes que pareciam terem sidos cometidos por um assassino em série. Investigando aquelas coisas, ele e sua família acabam se tornando alvos de uma entidade sobrenatural maligna.

COMENTÁRIOS: A Entidade (Sinister) é uma produção britânico-norte-americana dirigida por Scott Derrickson, e escrita por ele mesmo em parceria com C. Robert Cargill. Este é um filme que usa em sua receita uma série de elementos clichês, mas que diferente do comum, faz tudo de forma muito competente. Perturbador, A Entidade de destoa de uma infinidade de péssimos filmes de “monstros” sobrenaturais que pulam das sombras. Prepare a pipoca, mas também se prepare para o cagaço!

 

A MORTE DO DEMÔNIO (2013)

099_14

SINOPSE: David se junta aos amigos de infância para isolar a irmã Mia, que é viciada em drogas, para tentar vencer a doença. Juntos os amigos vão para uma cabana rústica da família em meio ao nada da floresta, e assim que chegam lá descobrem que o local havia sido invadido. Transformaram o porão em uma espécie de altar satânico, haviam animais mumificados por todo canto, e encontraram um tal de Livro dos Mortos. A estadia que prometia ser tranquila, acaba se tornando em algo pior que o inferno!

COMENTÁRIOS: A Morte do Demônio (Evil Dead) é um remake do clássico de 1981 que traz o mesmo nome. Dirigido por Fede Alvarez, seu texto é levemente adaptado do original por Diablo Cody, Sam Raimi, Rodo Sayagues e o também pelo próprio diretor. A franquia A Morte do Demônio já trouxe vários elementos, e de certa forma sempre deu certo. Porém ainda não havia um filme mais sério e pesado. Quem conhece sabe que o foco sempre foi o humor e a zoeira, só que nesta versão de 2013 a coisa fica bem mais sinistra, e no meu entendimento pessoal, mais assustador. Afinal, à mim o gore faz mais rir do que assustar. Quando vejo filmes de terror quero ter medo de andar pela casa com a luz apagada, e não de escorregar numa poça de sangue.

 

O BABADOOK (2014)

099_15

SINOPSE: Amelia é uma mulher viúva que além até de ser atormentada pela dor da morte violenta do marido, ainda precisa lidar o pavor de monstros de seu pequeno e único filho, Samuel, por quem tem dificuldades de sentir um amor verdadeiro. Após encontrar um misterioso livro, o garoto está convicto de que um monstro deseja matá-lo, e para desespero de sua mãe, começa a agir ainda mais irracionalmente. Porém as coisas vão tomando formas mais nítidas, e Amelia vai percebendo que talvez o filho tenha razão.

COMENTÁRIOS: O Babadook (The Babadook) é uma coprodução do Canadá e Austrália, escrito e dirigido por Jennifer Kent em sua estreia como diretora. O longa se baseia no curta-metragem Monster (2005), também escrito e dirigido por Kent. O filme de terror psicológico chegou ao Brasil apenas através da Netflix, e na minha opinião foi o melhor filme do gênero em 2014. Não é uma obra que recorre a maneiras baratas de dar susto, a atmosfera que Jennifer Kent conseguiu criar, explora a tensão do drama entre mãe e filho, criando uma simbiose com um ser metamórfico maligno inspiradíssimo. Não vá na onda de ninguém, assista você e tira suas conclusões! Depois me diz o que achou.

 

INVOCAÇÃO DO MAL 2 (2016)

099_16

SINOPSE: Os mais famosos demonologistas do mundo, Lorraine e Ed Warren, viajam para  Enfield, no norte de Londres em 1977, para ajudar a família Hodgson, onde uma mãe solteira tem suas filhas atormentada por espíritos malignos. Eventos sobrenaturais inimagináveis não se intimidam em acontecer, e o casal de investigadores começa a crer que uma das filhas está possuída por um demônio.

COMENTÁRIOS: Invocação do Mal 2 (The Conjuring 2) é um filme estadunidense dirigido por James Wan, e roteirizado por Carey Hayes, Chad Hayes, David Leslie Johnson, e pelo próprio Wan. Eu cheguei a assistir o primeiro Invocação do Mal, e foi um filme bem mediano no meu entender, mas quando assisti sua sequência, o meu queixo caiu. Não se trata apenas de uma boa obra do gênero, mas também um excelente filme independente de gênero. Ótima produção, direção, roteiro, elenco, enfim, um puta filmaço! E aquela freira então… deixo pra você conferir e bater um papo com ela!

 

IT: A COISA (2017)

099_17

SINOPSE: Um grupo de garotos se une para investigar os misteriosos desaparecimentos de vários jovens em sua cidade, incluindo o irmão caçula de um deles. E eles acabam realmente encontrando o culpado, Pennywise, um palhaço metamórfico que se alimenta dos medos de suas vítimas e cuja violência vem se repetindo por séculos.

COMENTÁRIOS: It: A Coisa (It) é um filme norte-americano dirigido por Andy Muschietti, que se baseia na novela homônima de Stephen King. A adaptação do original ficou a cargo de Chase Palmer, Cary Fukunaga e Gary Dauberman. Há quem diga que It: A Coisa não é um filme de terror, bullshit…! É óbvio que é, afinal, o que faz um filme ser terror? Ele te aterroriza? Então é terror! “Ah, filmes de guerra também aterrorizam”. Hmmm… nesse o palhaço aterroriza e é o capeta. Caso encerrado. Espetacular esta primeira parte desta obra-prima de Stephen King. Mas imagino que você já assistiu o filme do Palhacinho Camarada. Ainda não?! Ah para!

Barra Divisória

assinatura_dan