031_00

David é um jovem nos seus vinte e poucos anos que está desiludido por ter largado os estudos. Gostaria de não precisar trabalhar mais como massagista terapêutico onde recebe poucos dólares por hora. Embora desapegado das coisas, ainda tem a mínima consciência de que precisa melhorar de vida, e calha de reencontrar com seu melhor amigo de infância, Efraim, que mostra um caminho sedutor para ganhar dinheiro sem tantas dificuldades. Estando financeiramente mal e tendo descoberto recentemente que seria pai, aceita a sociedade com o amigo. O negócio era simples, garimpar as pequenas e ignoradas licitações de armamentos do governo, vencer os editais, e entregar o combinado. Os negócios vão prosperando, e junto com isso a ambição dos jovens por ainda mais. O filme conta a história real dos dois contrabandistas americanos que forneciam armamento para o Pentágono, e as confusões onde eles se meteram.

031_04

Podemos encarar Cães de Guerra de duas maneiras, a primeira como um filme leve e sem qualquer comprometimento com nada além do entretenimento desprendido, e outra com a postura de quem quer ser levado à sério ao tentar embarcar no nicho das obras relacionadas à grandes criminosos. Como diversão é um filme que começa muito bem nas suas doses pontuais de comédia, também visita a ação de forma bastante competente e empolgante, mas se perde quando mergulha na tensão dramática que destoa muito de seu início. Se você for fisgado pela ideia mais séria, de ser uma crítica ao Estado Americano e suas falhas morais, tanto de quem vende ou compra material bélico, então talvez saia um pouco decepcionado. Tudo o que tem pra ser visto é um protótipo do que já foi feito em completude por filmes de gangsters como os de Martin Scorsese. São sequências de clichês e referências por todo o filme, a começar pela narrativa circular onde David é agredido e posto frente à morte por mafiosos albaneses. À partir deste instante a cena congela e temos a narração de todos os ocorridos que culminaram naquele momento. David se prolonga contando sobre suas dificuldades familiares, ambições, e como enxerga os dilemas éticos e morais conforme eles vão surgindo.

031_02

FICHA TÉCNICA E ELENCO
O filme de 2016 é baseado no livro Arms and the Dudes publicado em 2015 pelo canadense Guy Lawson, e tem o roteiro adaptado por Stephen Chin, Jason Smilovic, e pelo diretor Todd Phillips, conhecido pela trilogia de comédia Se Beber Não Case. No elenco temos a dupla dos astros da atualidade Miles Teller e Jonah Hill, bem como Ana de Armas, Bradley Cooper, Kevin Pollak, Shaun Toub e Barry Livingston. Seu orçamento foi de 40 milhões de dólares, e teve um faturamento de pouco mais de 86 milhões.

031_05

TRILHA SONORA DE PRIMEIRA QUALIDADE!
Sua trilha sonora é bem extensa, e traz músicas como So What’Cha Want do Beastie Boys, Sweet Emotion do Aerosmith, Wish You Were Here do Pink Floyd, Behind Blue Eyes do The Who, The Passenger do Iggy Pop, Girl, You’ll be a Woman Soon do Neil Diamond, e muitas outras. Ou seja, rola até adquirir o álbum com as trilhas, realmente só tem musicão!

031_03

CURIOSIDADES SOBRE A DUPLA REAL
Na imagem acima os verdadeiros David Packouz e Efraim Diveroli. Declarando-se culpado, Diveroli foi sentenciado à 4 anos por crime de conspiração contra o governo, e após o fim de sua pena escreveu o livro de memórias Once a Gun Runner… em 2016. Existe uma confusão absurda por trás do filme, e não estou falando sobre as aventuras e desventuras da dupla de criminosos, mas por conta de quem escreveu o que, e de quem copiou quem. Eu até tentei compreender a ordem dos acontecimentos, mas as fontes se mostraram muito confusas e com datas inconsistentes durante as pesquisas. O que deu pra entender é que Efraim Diveroli ainda deu entrada em processo contra todos os envolvidos com o filme, alegando terem utilizado de material de seu livro sem autorização. Não querendo ser juiz ou coisa do tipo, mas esse cara se mostrou um grande picareta em série de situações, pessoalmente não creio que ele seja o personagem com a razão em toda essa história. Packouz foi indiciado por 71 acusações de fraude, uma por cada lotação de avião com carga de munição irregular, mas acabou sendo condenado apenas por crime de conspiração. Recebeu a sentença de 7 meses de prisão domiciliar, e após o cumprimento da pena passou a trabalhar com música. Em 2012 foi preso em um motel na Florida, após combinar um programa de 400 dólares com uma policial disfarçada do Condado de Collier, tendo sido dado como culpado pelo crime de prostituição.

CONCLUSÃO
Contando a história real da jovem dupla de contrabandistas de armas, David Packouz e Efraim Diveroli, é um filme até agradável de se ver, mas ao mesmo tempo inconstante e sem definição. Inicia como comédia, vaga pela ação, mas acaba virando um drama bem de oposto ao que ameaçava inicialmente. A sensação particular que tenho é que deveria se manter no mesmo tom ácido do começo até o fim. Ou ter se colocado de forma mais comportada e séria, valorizando a pegada dramática de uma biografia. Ponto bastante positivo e que resgata valor pro filme são as excelentes atuações de Miles Teller e Jonah Hill, que possuem uma boa química trabalhando juntos. Cães de Guerra não é a oitava maravilha do mundo, mas é sim um filme que merece ser apreciado.

Barra Divisória

assinatura_dan

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s